Crie seu próprio Site Grátis! Templates em HTML5 e Flash, Galerias em 2D e 3D, Widgets, Publicação do Site e muito mais!
Tudo sobre Angola

Votação
Qual é actualmente o melhor Cantor de angola??
Ary
Yury da Cunha
Matias Damasio
Calo Pascual
Yola Semedo
Puto Portugues
Propia Lixa
Ver Resultados

Rating: 3.0/5 (440 votos)




ONLINE
1





è importante a sociedade actual começar rever os seu valores e principios!!

Devemos sim acompanhar o processo de Modernizaçao mas nao Mundanizar Nossas Mentes!!!

Obrigado por visitar o meu site!!!!!

 


Total de visitas: 73480
 
 
Aspectos históricos

A poligamia já foi regra nos grupos humanos em estado natural.

 Durante a história, a poligamia foi amplamente usada, tendo como principal causa a grande diferença numérica entre homens e mulheres ocasionada pelas guerras. Atualmente mesmo em países onde esta é uma pratica legal esta caindo em desuso, sendo amplamente usada somente em áreas de conflitoA questão sempre esteve também no centro do debate religioso. O Velho Testamento fala de um personagem como Jacó, que teve duas mulheres e doze filhos (vários deles com servas). Essa prole viria a dar origem às doze tribos de Israel.

No Islão, por outro lado, ela tem sido praticada desde sempre (o próprio profeta Maomé teve 16 casamentos simultâneos). Hoje, continua a ser adotado em alguns países muçulmanos e em processo de adoção em outros, o costume é regulamentado pelo Alcorão que tolera a poligamia e permite um máximo de 4 esposas.

 

 

Na legislaçao angolana a poligamia nao é permitido! embora isto, muitos sao aqueles que insistem neste mal!!

em angola este tem sido o principal factor do virus do sida!!! 

comunidades.net
nation2.com nation2.com nation2.com nation2.com nation2.com
Poligamia em Angola

Poligamia

Poligamia, do grego muitos matrimônios, é a união reprodutiva entre mais de dois indivíduos de uma espécie.

No reino animal, a poligamia se refere à relação onde os animais mantém mais de um vínculo sexual no período de reprodução. Nos humanos, a poligamia é o casamento entre mais de duas pessoas. Os casos mais típicos são a poliginia, em que um homem é casado com várias mulheres, e a poliandria, em que uma mulher vive casada com vários homens. Não deve confundir-se com o amantismo, que é também comum nas sociedades humanas, mas em que o laço com um parceiro sexual para além do casamento não é, nem aceite pela lei, nem na maior parte das vezes, de conhecimento público. [1].

É permitida por algumas religiões e pela legislação de alguns países.

Porquê  que  é errado a poligamia?

Deus permitiu nopassado o homem ter mais de uma mulher, por causa da populaçao que era pouca na altura, e Deussempre quiz que a populaçao da terra se multiplicasse e nos dias de hoje chegamos um numero na qual ja nao precisa o homem se unir a mais de 1 mulher pra poder pocriar!!

“Não se pode concordar com a oficialização da poligamia. Esta palavra, que tem origem grega, significa “união conjugal de uma pessoa com várias outras”. Sociologicamente, há a referência de duas modalidades de casamento conhecidas que são a monogamia (um parceiro) e a poligamia (vários parceiros). A poligamia, por sua vez, dá-nos dois sistemas: poliandria e poligenia.Poliandria quando uma mulher desfruta ou casa com vários esposos e a poligenia quando um homem casa com várias esposas. Será que se quer isto na Constituição? Na nossa realidade, quando se fala na poligamia, fala-se apenas no homem com várias esposas. Não temos certezas, mas acreditamos que essa deve ser a direcção da proposta dos nossos colegas da Nova Democracia.

Penso que nas zonas urbanas existe poligamia no verdadeiro sentido. É praticada. Mas as consequências que podem advir desse tipo de casamento podem ser nefastas. E há mulheres que nunca aceitarão esse tipo de relação, mesmo sendo legal.

As mulheres parlamentares têm consciência que a partilha de parceiros sempre deu em consequências negativas, como a propagação de doenças sexualmente transmissíveis, como a SIDA e a sífilis.

A partilha de parceiros, sabe-se, pode fazer crescer a orfandade, podem morrer pai e mãe. Podem dizer, os defensores da poligamia, que caso fosse legal, os homens não teriam razões para mais promiscuidade. Mas quem garante que tal aconteça? Quem garante que tendo o homem duas ou três mulheres oficializadas não apareça ainda com as tais ocultas? E quanto ao outro lado da poligamia, a poliandria, receberíamos dos nossos colegas e dos homens em geral algum apoio? Nós, mulheres parlamentares, também não concordamos com isso. O nosso voto é não!

Porque nós conservamos o pudor, o amor, e somos fiéis aos nossos parceiros. Entre nós nunca houve, sequer, um manifesto favorável a possibilidade de tal acontecer. Nós temos um “não” grande para a poligamia. Temos outras prioridades. Há questões de dignidade, de postura e de respeito pelo outro que devem ser analisadas”..

Cena bíblica: Jacó e suas duas mulheres
 
comunidades.net
Criar um Site Grátis    |    Crear una Página Web Gratis    |    Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net